DestaquesNotaNotíciasPopularesÚltimas

Informe SINTIFRJ: Situação do campus Pinheiral

A comissão do sindicato para o plano de retorno presencial gradual se reuniu com o magnífico Reitor e demais Pró-reitores na data de hoje (14/10).

Foram discutidos vários pontos das diretrizes de retorno da reitoria e de questões e demandas dos campi levantadas por servidoras(es) destes.

A Reitoria informou que, conforme reunião de sexta-feira do colegiado de dirigentes, nenhum curso (ou setor) pode retornar antes do campus levantar dados, compilá-los e ter uma visão global sobre as demandas de cada curso (ou setor) e, consequentemente, elabore o plano de retorno gradual a partir destes.

Além disso, enfatizou que nenhum curso (ou setor) de nenhum campi pode definir retorno fora da fase 1, exatamente porque deve-se levar em conta o diagnóstico de cada processo para avançar o posterior.

As disciplinas que retornarem com suas atividades práticas deverão se manter em regime de APNP, ofertando conteúdos assíncronos. E somente as atividades práticas essenciais para os concluintes devem ser ofertadas na primeira fase do retorno.

A Reitoria se comprometeu a enviar ainda hoje uma nota estabelecendo esses parâmetros de maneira que nenhum curso ou campi possa encontrar brecha para um retorno açodado e sem planejamento global elaborado por seu campus.

A Reitoria também se comprometeu a enviar antes das férias respostas às questões levantadas pelo sindicato em carta aberta do dia 14/09.

Por fim, sobre a questão específica do campus Pinheiral, a Reitoria informou que a adequação às diretrizes é fundamental. Agradeceu as demandas trazidas pela base docente do campus e se comprometeu a realizar uma reunião com a Direção-Geral do campus junto com a representação da Diretoria do SINTIFRJ.

A última carta aberta e a reunião supracitada são oriundas de uma denúncia feita por servidores do Campus Pinheiral acerca de uma exigência de retorno presencial já em novembro de 2021. Assim como neste caso, a DIREX do SINTIFRJ agirá de modo contundente na defesa dos direitos das servidoras e servidores do IFRJ. Ressaltamos que a Base sindical fortalecida é local de resistência a arroubos autoritários.

Vamos em frente e em unidade na luta!

Saudações de luta!

Direção Executiva – Biênio 2021-2023

Compartilhe!