Sobre o novo ministro da educação…
18
abr

Sobre o novo ministro da educação…

Na última semana foi anunciado o novo ministro da educação, vulgo, nosso chefe. Como dizer… é a substituição de um sujeito absolutamente perdido por um indivíduo incompetente, mas com currículo de banqueiro. Dispensaram os intermediários. A função exclusiva do ministro da educação será a de negociar e vender a educação. Pois, sobre educação, este nada entende e nada tem a dizer.

Aliás, o que disse até agora, além de um monte de bobagens e uma patológica obsessão com o comunismo, é muito instrutivo, por exemplo, sobre como ele enxerga as mulheres e sua relação com o conhecimento, ou a ignorância. Em dezembro de 2018, o futuro ministro, disse para uma plateia num evento político que: “…caiu o muro de Berlim, vocês lembram que caiu o muro de Berlim? As moças não, porque elas não têm essa idade, perfeito? Só os marmanjos. Então, as moças não sabem, mas quando caiu o Muro de Berlim…” (ver vídeo abaixo em 38’38”). Se esse sujeito fala isso num evento internacional, imaginem o que fala numa sala de aula para “as moças que não sabem”!? Isso foi em 2018. Daí nos perguntamos estupefatos, como esse sujeito está no ministério da educação?

Podemos falar isso em sala de aula? Veja bem: “as moças não sabem (dedução lógica: somente homens ou somente os marmanjos sabem), mas na revolução francesa, ou nas leis de Newton, ou no cálculo estequiométrico…”. O apelo à violência simbólica jamais foi tão forte em nossa sociedade como nos últimos tempos. Há uma autorização à misoginia, ao machismo, à aniquilação das minorias e dos opositores pelo simples fato de serem diferentes do que pensa essa gente; essa autorização vem justamente das autoridades que representam, em teoria, as garantias do estado de direito.

Desde a eleição do atual presidente, jamais ouvimos falar em um único projeto para educação… não se fala em construir uma única escola… Ao contrário, esse atual governo somente fala em destruir, perseguir, acabar, matar… Não havia e não há projeto, senão, a destruição.

Veja abaixo:

https://www.youtube.com/watch?v=J3VMKgLCxj8 (única crítica consistente na grande mídia)

https://www.youtube.com/watch?v=IHbb9tRC6Xc  (assistir, com seus próprios olhos, a partir de 36 minutos até 1:06)

 

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *